Página Inicial
Notícias
Opinião
Autarquias
Documentos
Foto Galeria
BEja no Facebook
Newsletters
Newsletter do BEja






Adere ao Bloco
Adere ao Bloco 
Sites do Bloco
Site do BE
Site do Grupo Parlamentar
Site do Grupo Parlamentar Europeu
Site do BE nas Autarquias

O ESTADO DA NAÇÃO PDF Imprimir e-mail
18-Out-2007
Segundo os dados estatísticos divulgados esta semana pelo INE (Instituto Nacional de Estatística), a propósito do Dia Internacional de Erradicação da Pobreza que se comemorou no passado dia 17 de Outubro, a pobreza não tem parado de aumentar em Portugal e o fosso entre ricos e pobres é o maior da União Europeia. Pobreza que, no nosso país, resulta, no essencial, de quatro factores: desemprego, salários baixos, endividamento e reformas de miséria. Se prestarmos atenção aos números, verificamos que 20% da população portuguesa vive na miséria e 14% para lá caminha na medida em que o salário auferido mensalmente já não é suficiente para fazer face às dívidas contraídas, especialmente as relacionadas com a aquisição de casa própria.
Ler mais...
 
SALVAR O PORTUGUÊS EM OLIVENÇA PDF Imprimir e-mail
16-Out-2007

RESUMO DE INTERVENÇÃO NO CONGRESSO DA LUSOFONIA EM BRAGANÇA (5-Outubro-2007)

UM LUGAR ONDE A LÍNGUA PORTUGUESA (VARIEDADE ALENTEJANA...) ESTÁ EM AGONIA
(inclui reflexões de um jovem local de 28 anos)

      
 Em 1840, trinta e nove anos após a ocupação espanhola (1801), o Português foi proibido em Olivença, inclusivamente nas Igrejas. Todavia, ele foi sobrevivendo, numa deliciosa toada alentejana, que logo as autoridades, vigilantes, classificaram como "chaporreo", palavra de
difícil tradução (talvez "patois"; talvez "deturpação"), que criou complexos de inferioridade nos utilizadores, levando-os, cada vez mais, a usar a Língua Tradicional apenas a nível caseiro, dentro do aconchego do lar. Mesmo com esses condicionalismos, depois de duzentos anos de pressão, ela é entendido e falado por cerca de, pelo menos 35% da população, segundo cálculos da União Europeia (Programa Mosaic).

Ler mais...
 
OGM – Não, obrigado! PDF Imprimir e-mail
09-Out-2007
A "acção directa" de dezenas de apoiantes do movimento "Verde Eufémia" contra a plantação de milho transgénico, no concelho de Silves, trouxe à luz da opinião pública portuguesa, com o tradicional atraso, um problema que mobiliza cidadãos e governos de vários países e continentes. A direita política e ideológica, naturalmente, colocou a defesa da "sacrossanta" propriedade privada acima de tudo, como se a propriedade - ainda por cima dum bem finito como é a terra - não devesse estar subordinada à função social que ela desempenha... ou deveria desempenhar.
Ler mais...
 
Água, um bem público ou uma mercadoria - 2? PDF Imprimir e-mail
04-Out-2007

constantino_picarra.jpgEm artigo com o mesmo título, publicado há quinze dias neste jornal, | dizia eu que as câmaras do Alentejo tinham capitulado perante a política do Governo para a água ao avançarem para a constituição de empresas intermunicipais onde 49% do capital seria dos privados, muito provavelmente um dos nove carteis transnacionais existentes nesta área. Como é sabido esta solução que transforma a água numa mercadoria foi chumbada por Bruxelas para alegria do Governo que assim viu abrir-se um futuro ainda mais promissor para o crescimento da empresa estatal “Águas de Portugal” cujo destino passa pela privatização em bolsa.

Ler mais...
 
DISCUTIR ALQUEVA PDF Imprimir e-mail
04-Out-2007
carlos_luna.jpgUma iniciativa do Bloco de Esquerda

Decorreram em Moura, no passado dia 29 de Setembro de 2007, por iniciativa do BE, as jornadas sobre o tema "Alqueva - Valia Agrícola e Sustentabilidade Ambiental", com especialistas de diversos quadrantes, na Sociedade Recreativa "Os Leões".

Ler mais...
 
Água, um bem público ou uma mercadoria - 1? PDF Imprimir e-mail
21-Set-2007

constantino_picarra.jpgHoje é consensual que a água, um bem imprescindível à vida, é escasso e que, por força das alterações climáticas, será ainda mais escasso nos próximos cinquenta anos. Também é consensual que num futuro muito próximo se corre o risco de a água não chegar para todos. E quando isso acontecer a guerra será inevitável. A luta pela vida, pela sobrevivência, a isso conduzirá inevitavelmente.

Ler mais...
 
A água é do povo! PDF Imprimir e-mail
20-Set-2007

alberto_matos.jpgAssisti ontem a um debate sobre os sistemas de abastecimento de água em alta, uma iniciativa da Câmara Municipal de Castro Verde que saúdo, com alguns senãos. O primeiro foi a hora escolhida: 3 da tarde de segunda-feira, o que afasta irremediavelmente a esmagadora maioria dos munícipes. Foi dito que o objectivo fundamental era o esclarecimento dos “decisores”, isto é, dos autarcas – o que constitui desde logo uma grave limitação, em matéria de tamanho interesse público.

Ler mais...
 
<< Início < Anterior | 1 2 3 | Seguinte > Final >>

Resultados 15 - 21 de 21
Destaques
VIII Convenção 
  Debate Aberto
Novo cartaz do Bloco
Campanhas

Cortem na Divida não nos Salários

Privatização é o fim da linha 

 

Novo folheto dos Jovens do Bloco
Publicações
Jornal gratuito - Ler em pdf
Revista Vírus n1
Plataformas
Site Esquerda
Vídeos do Bloco
© 2017 Site Distrital de Beja - Bloco de Esquerda
Joomla! is Free Software released under the GNU/GPL License.